Seguidores

sexta-feira, 13 de abril de 2012

HISTÓRIA DA IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM VIÇOSA ALAGOAS


Templo Sede da Assembleia de Deus em Viçosa,AL.

  
 A História da Assembléia de Deus em Viçosa, localizada na Zona da Mata alagoana, é por demais expressiva, marcante e emocionante, assim  como é cada relato histórico, por mais simples ou relevante que venha ser. Assim sendo, segue um breve e sucinto histórico da respectiva igreja nessa cidade.

ONDE TUDO COMEÇOU (1937)

    A Rua do Gurganema, assim denominada no ano de 1937,( atual Tibúcio Nemésio), acolhia na época um expressivo número de comerciante e comerciários, entre os tais, o casal Enoque Cabral de Medeiros e Maria Alves de Medeiros. Segundo relatos fidedignos, o referido casal gozava de  elevado conceito na sociedade viçosense, haja vista sua invejável postura. Seus vizinhos, seus fregueses (clientes) tinham com eles grande estima por terem um comportamento desejável. Ao ser presenteado com uma Bíblia, o irmão Enoque propôs a dedicar-se a leitura junto a sua esposa Maria Alves de Medeiros , que ao se debruçarem na feliz leitura, foram fortemente tocados pela mensagem salvadora. O Espírito Santo de Deus, “agricultor por excelência” estava á limpar a terra para ser lançada a preciosa semente salvadora. Irmão Enoque iniciou a leitura da Santa palavra, pelo livro de apocalipse, que por sua vez foi fortemente tocado pelo Senhor. A medida que lia sentia mais e mais prazer em fazer. Ao passo que a palavra foi adentrando ao seu coração, aqueles que o cercavam começaram ver a mudança na vida do respeitado comerciante. Bem- aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisa que nelas estão escritas...(Apoc. 1.3). Foi isso que o casal fez. A semente havia germinado no coração do casal. O ardente desejo de salvação invadira seus corações, e assim fizeram, decidiram suas vidas para Cristo na primeira Igreja Batista de Viçosa existente até então. Sedentos de Deus, os novos convertidos persistiram na busca do conhecimento de Deus através da meditação diária das Sagradas Letras.


Templo Sede na década de 1990
      A Rua Tibúcio Nemésio, porta de entrada do desenvolvimento econômico de Viçosa, agora era também porta de entrada para a salvação através de Cristo Jesus. Tendo em vista ser irmão Enoque um homem de um conceito elevado em Viçosa, causou tamanha admiração por parte dos comerciantes locais, amigos, vizinhos e parentes a sua tomada de decisão.  

A semente frutificou de forma poderosa, pois nosso Deus conhecia a terra que lançou a preciosa semente. O casal passou testemunhar da salvação na pessoa de Cristo Jesus, testemunhos esses que mediante o conservadorismo religioso imposto, muitos dos seus fregueses (clientes), afastaram-se do seu estabelecimento comercial, principal fonte de renda. Portanto não foram abalados, permaneceram firmes na rocha que é Cristo. Os novos convertidos persistiram na busca do conhecimento Sagrado, agora com a semente plantada, o Senhor que é o lavrador por excelência continuou a regar-lhes. Na sede de Deus e movidos pelo o Espírito Santo, insistiram na leitura das Sagradas Letras, até que um dia Irmão Enoque Cabral deparou-se pela primeira vez com texto do capítulo 2( dois) dos Atos dos Apóstolos, que fala do revestimento de poder, do batismo com Espírito Santo, da Chama Pentecostal. Sem entender muito sobre a doutrina, pois nesse tempo quase não se ouvia falar em evangélicos nem tão pouco da doutrina pentecostal, os servos de Deus foram em busca de explicações do seu líder evangélico e demais líderes religiosos anti-pentecostais. O irmão Enoque e sua esposa não obtiveram a resposta que almejavam, voltaram para sua casa com coração queimando com a bela passagem bíblica. O Espírito Santo já havia feito morada na vida dos novos convertidos, ninguém podia tirar a chama do Pentecoste do coração do irmão Enoque. O Deus que começou a boa obra, havia de aperfeiçoar. O casal  foi informado que em Maceió existia uma Igreja por nome Assembléia de Deus, ( que na época já comemorava seus jubilosos 22(dois) anos de existência na capital alagoana). A chama ardia de tal forma no coração do casal, que foram até a capital cultuar ao Senhor.


Alguns pastores que dirigiram a AD-viçosa, AL.
Nesse tempo, a Igreja Evangélica Assembléia de Deus no Estado de Alagoas, era presidida pelo então pastor Antônio Rêgo Barros. Em um dos cultos os irmãos foram visitados de maneira poderosa pelo Senhor, a chama foi acesa em seus corações. e assim queriam que sua terra fosse também agraciada com o poder do alto. Ao término de um dos cultos, irmão Enoque propôs ao Pastor Barros enviar um obreiro a cidade de Viçosa.

A feliz solicitação dos pioneiros da Assembléia de Deus em Viçosa, logo foi atendida pelo amado Pastor, que por sua vez não perdeu tempo, logo enviou de forma alternada os fiés desbravadores da causa Santa. Depois de alguns anos, irmão Enoque fixou residência na cidade de Palmeira do Índios, deixando um grande legado, sobretudo, um forte testemunho de um verdadeiro cristão.   Mediante informações colhidas dos crentes mais antigos, os primeiros obreiros que pisaram na fértil terra da Zona da Mata, foram: O Pastor Firmino José de Lima, José Victor e o próprio pastor Barros esteve por varias vezes dirigindo os cultos.

  Pela grande misericórdia do Supremo e eterno Deus, os membros que formam a amada igreja nessa cidade incansavelmente permanecem disseminando a Santa e Poderosa Semente - A palavra de Deus, certos da maior  recompensa - a coroa da vida.


   O referido histórico foi escrito pelo Pb.Efigênio Hortêncio de Oliveira, extraídos de arquivos pessoais da irmã Cícera Ferreira de Lima e Tânia Maria Domingos Pereira e através de informações por diversos irmãos fazem e fizeram esta história.  


HONRA, GLÓRIA, LOUVOR E TODA ADORAÇÃO, TRIBUTAMOS AO SENHOR DOS SENHORES.

Pb. Efigênio Hortêncio de Oliveira










Nenhum comentário:

Postar um comentário